Empresas de turismo e gastronomia conquistam Selo de Qualidade do Sebrae/PR

0
562

Com foco na gestão, excelência e prestação de serviços, 50 empresas do Paraná receberam o Selo de Qualidade do Sebrae PR, no 22° Salão Paranaense de Turismo. A entrega do selo faz parte do encerramento do primeiro ciclo do programa de capacitação do Sebrae, que tem como objetivo estimular o crescimento econômico e sustentável das pequenas empresas do setor de turismo e gastronomia.

O programa Selo de Qualidade do Turismo, realizado pelo Sebrae/PR em parceria com a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Paraná (ABIH-PR), Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do Paraná (Abrasel-PR), Federação de Convention & Visitors Bureau do Estado do Paraná (FCVB-PR) e a Paraná Turismo, teve início em maio de 2015, quando mais de 100 empresas das regiões de Curitiba, Foz do Iguaçu, Cascavel, Londrina, Maringá, União da Vitória, Campos Gerais, e Litoral se cadastraram para participar.

Ao longo de aproximadamente seis meses, essas empresas responderam uma série de questionários, análises e avaliações específicas para criar e executar um plano de ação e atingir os mais altos padrões de qualidade. Como parte do diagnóstico, foi aplicada a visita do ‘turista oculto’, em que um consultor não identificado visitou as empresas para avaliar os serviços, desde a página de reservas do hotel ou restaurante, até as instalações e o atendimento.

Para a validação dos resultados e reconhecimento técnico, o Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) foi o responsável pela avaliação das empresas no final do processo. Das 83 empresas avaliadas pelo Instituto, 50 atingiram o índice de 80% nas análises de conformidade nos critérios de qualidade e receberam o selo. De acordo com o coordenador, essa é uma forma de distinguir as empresas que mais se preocupam com a qualidade na gestão e na prestação de serviços.

O Selo de Qualidade no Turismo é um fator de diferenciação para as empresas que investem em excelência, uma vez que agrega valor com a otimização de processos, diversificação e melhoria de serviços, além de aumentar a sua rentabilidade. O selo terá validade para o ano de 2016, isto é, a empresa deve estar em constante melhoria e monitoramento de qualidade para a obtenção do selo nos anos seguintes. Os meios de hospedagem e restaurantes de interesse turísticos que passaram a ser detentores do selo poderão utilizá-lo junto às suas marcas em materiais de publicidade, sites e na divulgação para clientes.

Fortalecimento

Em abril deste ano, será lançada uma nova etapa do programa, que passará a agregar outros negócios turísticos como agências de turismo receptivo, organizadoras de eventos e transportadoras turísticas. Nesta nova fase, outros parceiros também farão parte deste processo de qualificação das empresas, como a Associação Brasileira de Empresas de Eventos (ABEOC) e a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (Fecomércio PR).

Deixe uma resposta