No Paraná, pequenas empresas iniciam caminho para se tornar franqueadoras

0
488

Programa Franquias Paraná começou oficialmente na última segunda-feira, dia 17, com aula inaugural no Sebrae/PR; depois dos módulos ministrados pela ABF, começam consultorias, treinamentos e visitas técnicas

Quinze empresários paranaenses interessados em transformar seus pequenos negócios em franqueadoras estão reunidos no Sebrae/PR durante os próximos dias, para um curso intensivo com a Associação Brasileira deFranchising (ABF). As aulas são a primeira parte do Programa Franquias Paraná, iniciativa inédita do Sebrae/PR e da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (Fecomércio PR), que selecionou potenciais franqueadoras entre pequenos negócios, por meio de edital aberto em maio.

No total, 102 empresas com faturamento anual de até R$ 3,6 milhões se inscreveram. Das 15 selecionadas, com base em critérios objetivos descritos no edital, nove são da capital e uma de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba. As demais são de Cianorte e Maringá, na região noroeste; Pitanga, Guarapuava e Carambeí; na região centro.

São sete empresas do ramo de alimentos e bebidas, duas lojas de móveis, duas joalherias, uma imobiliária, uma academia de ginástica, uma clínica odontológica e um salão de beleza. “A essência é a prestação de serviço, pequenos negócios já estruturados e que desejam expandir sua ação, abrindo-se para o mercado e replicando um modelo que tem apresentado bons resultados”, avalia Agnaldo Castanharo, gerente da Unidade de Negócios Competitivos do Sebrae/PR.

Ao longo de dois anos, as empresas selecionadas passarão por consultorias, treinamentos, visitas técnicas e participarão da maior feira mundial de franquias, nos Estados Unidos. Marcada para fevereiro, a viagem tem como objetivo colocar os empresários em contato com os franqueadores-referência no cenário internacional. “Depois desse Programa, as empresas saem prontas para expandir seus negócios na forma de franquias no Brasil todo”, destaca Osmar Dalquano, gestor do Programa e coordenador estadual de Comércio de Bens, Serviços e Varejo no Sebrae/PR.

Na avaliação do assessor da presidência da Fecomércio PR, Paikan Salomon de Mello e Silva, o edital – que oferecia até 60% de subsídio para participação no Programa – garantiu a transparência na seleção de empresas. “O Programa fortalece o empreendedorismo no Estado como um todo, ao garantir oportunidades iguais de participação. É uma iniciativa que pode servir de modelo para o resto do Brasil.”

Com a expectativa de que 50 novas marcas paranaenses estejam atuando no mercado nacional em 2022, o diretor de Operações do Sebrae/PR, Julio Cezar Agostini, explica que tornar um micro ou pequeno negócio franqueador é um processo de médio prazo. “Envolve formação, formatação, posicionamento. A gente sempre diz que espera que os empresários deixem de ser clientes do Sebrae daqui a pouquinho. Isso porque atendemos micro e pequenas empresas e entendemos que as selecionadas têm potencial para se transformar em médias e grandes empresas’, assinala Agostini.

Gerente da Unidade de Comércio do Sebrae Nacional, Juarez de Paula destaca que o franchising tem demonstrado uma capacidade de crescimento “surpreendente” neste tempo de crise. “Percebemos que o consumidor não deixa de consumir, ele só fica mais exigente, seletivo, busca qualidade por menor preço. Quem oferece isso consegue crescer na crise.” Com os preços de aluguéis mais baixos e os salários em queda, o momento é de expandir. “O Franquias Paraná é um programa inovador. O Sebrae/PR tem essa característica, é uma das unidades mais inovadoras do Brasil”, afirma.

Aula inaugural

A aula inaugural no auditório do Sebrae/PR foi antecedida por uma apresentação do cenário atual, que atesta as franquias como negócios mais resilientes à crise. Segundo Claudio Tieghi, diretor de Inteligência de Mercado da ABF, dados do primeiro semestre mostram um crescimento de 1,9% das franquias, e um índice de fechamento de 1,1%. “O setor gera um milhão de empregos e ainda tem muito espaço para crescer. Existem linhas de crédito específicas, com apoio do Sebrae.  E o Paraná tem o case do Grupo Boticário, o maior franqueador do Brasil”, recorda.

O tema da aula inaugural, ministrada pelo instrutor Maurício Galhardo, da ABF, foi avaliação de franqueabilidade. “Para começar, preciso avaliar os chamados 3C. Cobertura: onde quero chegar? Controle: que tipo de controle poderei exercer sobre a marca e sobre o desempenho? Custo: quanto quero investir? A franquia é o modelo que melhor equilibra os 3C”, assegura.

Expectativa

Proprietário da academia You Fitness, que tem duas unidades em Curitiba, Felipe Marcon percebeu a necessidade de expandir o negócio de um jeito diferente depois de fazer o Empretec, do Sebrae. “Minha irmã e eu somos sócios. Começamos bem pequenos, em 2010, e hoje temos dois mil alunos e 40 funcionários. Muitas pessoas vêm oferecer sociedade, mas avaliamos que é melhor vender como franquia, para que cada um tenha a sua You Fitness.”

O empresário destaca que, apesar de haver muitas academias, seu modelo é inovador, por oferecer atendimento personalizado. “O clima, a atmosfera é diferente de tudo o que existe no segmento. Estamos bem animados com o Programa, para agregar ainda mais ao serviço que oferecemos.”

Sobre o Sebrae/PR  

Para quem já é ou quer ser empresário, o Sebrae/PR – Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Paraná é a melhor opção para obter informações e conhecimento. Criado na década de 1970, o Sebrae apoia as decisões dos empresários, dos potenciais empresários e dos potenciais empreendedores, no campo e na cidade, porque é a instituição que entende de pequenos negócios e possui a maior rede de atendimento do País. No Paraná, conta com seis regionais e 12 escritórios. A instituição chega aos 399 municípios por meio de Pontos de Atendimento ao Empreendedor, Salas do Empreendedor e parceiros locais, como associações, sindicatos, cooperativas, órgãos públicos e privados. O Sebrae/PR oferece palestras, orientações, capacitações, treinamentos, projetos, programas e soluções, com foco em empreendedorismo e gestão; empresas de alto potencial e potencialização; educação empreendedora; startups; liderança; e ambiente de negócios.

Informações para a imprensa:

Savannah Ações em Comunicação – empresa licitada do Sebrae/PR

Assessoria de Imprensa Regional Oeste: Juliana Dotto

(45) 9914-8152| (45) 8801-2920 – jornalismocascavel@savannah.com.br

Coordenação Savannah: Jaqueline Gluck (41) 3035-5669 | (41) 9602-7541

Leandro Donatti –  Jornalista do Sebrae/PR –  (41) 3330-5895 | (41) 9962-1754

Foto: Felipe Miretzki/Eficaz

Deixe uma resposta