Foz do Iguaçu recebe Curso Introdutório á Comunicação Não-Violenta

0
413

A ação será realizada nos dias 25, 26 e 27 de setembro, no Colégio Bertoni

 

O Curso Introdutório á Comunicação Não Violenta (CNV) que será realizado nos dias 25, 26 e 27, no Colégio Bertoni de Foz do Iguaçu, tem como objetivo abordar o que tem sido aplicado ao redor do mundo em diversas situações e criar uma cultura de paz e resolução pacifica de conflitos.

As vagas para participar são limitadas. Para se inscrever é simples, basta acessar este link e preencher os dados solicitados: http://goo.gl/forms/ZC76Ih6jDM. Além disso, os interessados terão de fazer um investimento de 430 reais, que pode ser feito no cartão de crédito em até 12x (com taxas respectivas) ou depósito em conta bancária.

Para quem deseja participar, mas não tem condições de pagar o valor da contribuição, é necessário preencher o formulário de pedido de bolsa, na ficha de inscrição, para que sua participação seja coberta.

Atenção para os dias e horários do módulo 1 do Curso Introdutório á Comunicação Não-Violenta. Na sexta-feira (25), o curso será realizado das 19h às 22h. No sábado (26) das 10h às 18h, e no domingo (27) das 9h às 16h. O módulo 2 acontecerá em 2016 em data e local a ser definido.

Para mais informações sobre o evento acesse: https://www.facebook.com/events/1433627146966462/.

ENTENDA A COMUNICAÇÃO NÃO-VIOLENTA

A  (CNV), desenvolvida pelo psicólogo americano Marshall Rosenberg, vem sendo vivenciada no mundo todo como uma forma prática e eficiente de melhorar as relações pessoais e transformar conflitos.

A CNV propõe uma mudança de foco e intenção por trás de nossa comunicação, fortalecendo nossa conexão com nós mesmos e com os outros. À semelhança da filosofia de não-violência de Gandhi, a CNV propõe que diferenciemos as “pessoas” de seus “atos”, possibilitando manter o respeito à pessoa, mesmo quando discordamos de suas ações e estratégias.

Proporciona-nos uma forma prática de lidar com conflitos e transformar nossas interações pessoais em relacionamentos mais satisfatórios, que atendem melhor as necessidades de todos, respeitando as diferenças.

O curso é teórico prático, onde serão realizadas atividades que contribuem para: o desenvolvimento da mudança de foco na relação com o outro, enxergar além das palavras e comportamentos, reconhecer necessidades humanas universais, desenvolver e exercitar a empatia e a escuta profunda, desenvolver e exercitar a expressão autêntica restauradora e lidar com conflitos e transformá-los.

 
Facilitadores/Palestrantes
Sandra Caselato e Yuri Haasz vêm estudando, vivenciando e compartilhando CNV no Brasil e no exterior (EUA, Israel/Palestina, Japão, Tailândia). Oferecem cursos e consultoria para desenvolvimento de grupos, equipes e lideranças, processos de mudança organizacional e transformação de conflitos, unindo princípios de não violência a abordagens colaborativo-participativas inovadoras para a co-criação de um mundo sustentável.

Yuri Haasz – Mestre em Ciências Sociais (foco em Inovação e Mudança Social Sistêmica) pela Universidade de Chicago, EUA. Mestre em Relações Internacionais com Concentração em Estudos de Paz e Resolução de Conflitos pela ICU, Tóquio, Japão. Aperfeiçoamento em Educação para Paz, Jornalismo de Paz e Transformação Pacífica de Conflitos pela Transcend Peace University (Áustria). Curso em Assistência Humanitária e Direitos Humanos junto a ONU, pela Duke University (Genebra). Bolsista Rotary World Peace Fellow 2009-2011 no Japão. Trabalhou com a Human Rights Watch, Divisão do Norte da África e Oriente Médio, em Jerusalém.

Sandra Caselato – Psicóloga (CRP 06/107019), Bacharel em Artes Plásticas, Especialista em Didática do Ensino Superior, membro da Associação Paulista da Abordagem Centrada na Pessoa (APACP). Entre 2009 e 2011 trabalhou no Japão, atendendo a população estrangeira, escolas e grupos, oferecendo palestras, workshops e consultoria sobre comunicação, inteligência emocional, estresse e adaptação cultural, entre outros temas. Em 2010 prestou consultoria para a Agência das Nações Unidas UNRWA em Israel/Palestina, com treinamento em melhores práticas para funcionários na área de saúde psicológica.

Deixe uma resposta