Conheça a trajetória radialista Joceli Verardi

0
785

O radialista Joceli Verardi nasceu na cidade de Rondinha localizada no interior do Rio Grande do Sul, mas há 36 anos, escolheu Foz do Iguaçu (PR) para viver e crescer profissionalmente. A escolha pela cidade, segundo ele, foi obra do destino. Assim como a paixão pelo rádio.

“Desde pequeno eu ouço rádio e fui gostando cada vez mais do que ele proporciona para os ouvintes. O radialista consegue criar um laço com o público que é incrível. Na infância, minhas fontes de inspiração eram os locutores de moda sertaneja e esporte. Eles passavam emoção e notícias relevantes, como ninguém”, conta Joceli.

O amor pelo universo sertanejo é tanto, que o ídolo do radialista, não mais é que o inesquecível Teixeirinha, além da Banda Corpo e Alma, grande sucesso nos anos 80, 90 e 2000. Joceli conseguiu levar todo esse respeito e admiração pelo universo caipira, para o seu programa “Recanto Sertanejo”, exibido de segunda a sexta, das 16h30 às 19h, pela Rádio Mundial FM – 90,7.

Sobre seu atual local de trabalho e a oportunidade concedida, ele só tem elogios. “Eu comecei a trabalhar em 1997 em uma rádio no Paraguai. No ano de 2002, ingressei na Rádio Mundial, onde estou até os dias de hoje. Nós revitalizamos a rádio, para proporcionar aos iguaçuenses o prazer de ouvir rádio na fronteira. Trouxemos a cultura sertaneja e a gaúcha para mais próximo do público, que antes não tinha essa opção. Esse esforço valeu a pena. De acordo com as pesquisas de outras emissoras de rádio, a Mundial FM abrange 80% da audiência da região. Isso é maravilhoso! Quando a gente faz algo com amor, o resultado é esse”, ressalta.

Aos 53 anos, o radialista diz estar satisfeito com o retorno de seu programa e deixa um conselho para quem pretende seguir carreira no rádio ou em qualquer outra profissão: “tudo o que fazemos deve ser com muito amor, humildade e sempre prezando pelos nossos valores morais. Em época de crise, é preciso correr atrás dos sonhos, fazer algo diferente e tentar quantas vezes for preciso”, finalizou.

Deixe uma resposta