Comerciantes paraguaios protestam contra reordenamento

0
596

(Foto: Yassine Ahmad Hijazi – Afronteira / Reportagem: Rádio Cultura)

Trabalhadores de lojas e camelôs de Cidade do Leste se manifestaram na manhã desta terça-feira (12) na rótula da Avenida San Blás, em frente à loja Monalisa, a 300 metros da Ponte Internacional da Amizade. Os comerciantes são contrários a uma decisão da prefeita Sandra Zacarias, em demolir galeria, lojas e camelôs entre a Ruta VII e rua Monseñor Rodríguez, no centro da cidade. A prefeitura comunicou que a demolição dos prédios faz parte do plano de reorganização de Cidade do Leste. Para realocar os lojistas e camelôs, um novo local será construído.

Os trabalhadores consideram arbitrária a decisão do município, a medida que ficarão sem trabalho até a nova obra estar pronta. Alguns comerciantes estão no local a 25 anos. O comerciante Ariel Figueredo, informou que os trabalhadores não pretendem fechar a fronteira, uma vez que são trabalhadores e não querem tirar o direito de outras pessoas trabalharem.

Mesmo o protesto sendo pacífico, com cartazes e banda musical, militares foram enviados ao local para evitar que o trânsito fronteiriço fosse paralisado. Uma audiência pública foi marcada na Câmara de Vereadores de Cidade do Leste para ouvir os afetados e discutir uma solução.

Deixe uma resposta