Empresários paranaenses participam de missão na maior semana de moda do País

0
485

Participação de empresários na 40ª edição do SPFW é uma das ações do convênio Contextualizar na Moda II; seda de empresa do noroeste do Paraná compõe peças do estilista Ronaldo Fraga

Dez empresários paranaenses participam nesta semana de uma missão técnica à 40ª edição do São Paulo Fashion Week (SPFW), maior evento de moda do País. Durante três dias, eles conhecem os bastidores do evento, assistem a desfiles e participam de palestras. A empresa Vale da Seda, de Maringá, no noroeste paranaense, representa o Estado na FFWShop, loja conceito dentro do evento, que ocorre entre 18 e 23 de outubro na Bienal do Parque Ibirapuera na capital paulista.

A missão técnica ao evento faz parte de uma das ações contempladas na segunda etapa do convênio firmado entre o Sebrae e o Instituto Nacional de Moda e Design (In-Mod), o Contextualizar na Moda II. Nesta edição do SPFW, a imersão na atmosfera do principal evento de moda do Brasil beneficia 130 empreendedores de pequenos negócios de todo o País.

“O objetivo é oportunizar que os empresários vivenciem o principal evento de moda do Brasil, que experimentem a atmosfera de exclusividade e criatividade do SPFW, mas também tenham contado com os bastidores do evento, que vejam toda a parte operacional que acontece antes da passarela, existe muita estratégia, planejamento e ‘transpiração’ por trás do glamour que vemos no evento”, destaca a coordenadora estadual de Vestuário do Sebrae/PR, Carla Werkhauser.

Ela conta que, além de assistir aos desfiles e ter acesso a desfiles comentados, os empresários – que são de Pato Branco, Maringá, Terra Roxa e Cianorte – têm a oportunidade de conhecer o backstage e o espaço onde fica toda assessoria de imprensa que que cobre o evento, além de assistirem a duas palestras, sobre tendência de consumo no varejo e novos sistemas de moda.

“O mundo da moda envolve desejo, exclusividade e estratégia, dificilmente esses empresários teriam acesso ao evento e sua operação se não fosse por meio desse convênio com o Sebrae. Acreditamos que esta ação é uma oportunidade para o empresário ampliar a sua visão sobre moda, se inspirar e aplicar os conceitos vivenciados no evento nas suas marcas”, reforça a consultora do Sebrae/PR.

A agenda da missão contempla visitas ao backstage de desfiles, à sala de assessoria de imprensa, acesso a alguns desfiles, encontros com especialistas em comportamento de consumo e tendências, além de oportunidade de networking com empresários de outros estados. A programação inclui, também, uma visita à Vicunha, uma das maiores indústrias têxteis do mundo.  Os participantes ainda contam com um espaço na Casa SPFW onde têm a oportunidade de assistir aos desfiles que são comentados por especialistas, ao vivo.

Vale da Seda

Carla Werkhauser destaca que a parceria entre a empresa paranaense e o estilista Ronaldo Fraga nasceu em função da participação do Sebrae/PR nesta ação do Convênio Contextualizar Moda.

Depois de participar da loja-conceito Fashion Forward Shop (FFWShop), na última edição do SPFW, no início deste ano, a marca paranaense firmou parceria com o estilista Ronaldo Fraga, que desenvolveu cerca de 20 looks de seda depois de conhecer os xales feitos de tricot aberto com os fios 100% seda do Paraná.

As peças confeccionadas com a seda do Paraná foram apresentadas na passarela no último dia 19 de outubro. “Ele esteve na empresa, passou dois dias conosco e desenhou os modelos. Desenvolvemos o piloto que foi aprovado por ele. As peças também serão vendidas nas lojas dele. Esperamos que nosso trabalho seja cada vez mais visto e reconhecido para que consigamos colocar no mercado peças feitas com a seda da nossa região”, afirma João Berdu, presidente do Instituto Vale da Seda que volta à 40ª edição da semana de moda com echarpes feitas de seda e pintadas por artistas locais e golas com o mesmo tricot aberto que conquistou Ronaldo Fraga.

A Vale da Seda está em uma região que envolve 29 municípios no Noroeste, local que mais produz casulo de bicho da seda em todo o Ocidente. Atualmente, o Paraná participa com 92% da produção nacional de casulos de bicho da seda, mas apenas 5% do fio produzido no Estado são beneficiados no Brasil. O projeto Vale da Seda tem o objetivo de estimular pequenas e micro confecções da região a produzir roupas e tecidos com a seda feita ali, transformando a cadeia produtiva ao substituir a venda da matéria-prima pela comercialização do produto acabado, de maior valor agregado.

FFWShop

Em três anos, a parceria entre Sebrae e In-Mod já beneficiou mais de mil empreendedores, dentre eles cerca de 100 marcas que estiveram presentes no evento por meio do FFWShop – loja Pop up de design e acessórios, com curadoria assinada pelo SPFW e instalada no evento. Neste ano, 24 micros e pequenas empresas provenientes de 12 estados (ES, SP, RJ, MG, GO, PR, RS, SC, PA, PI, TO e PE) e do Distrito Federal foram selecionadas para expor seus produtos. A representante do Paraná é a Vale da Seda. Mais que a comercialização em si, a exposição na loja conceito permite aos empresários atingir um novo patamar de divulgação para seus produtos e sua marca.

“Ter sua marca atrelada ao SPFW pode se tornar um grande diferencial, em função do aval de marca conferido pela credibilidade e respeito que o evento tem no mercado. Cada empresa que participa desta atividade receberá feedback da curadoria sobre seus produtos, visando o desenvolvimento e aperfeiçoamento, para que tenham condições de estar presentes em edições futuras”, destaca Roberta Aviz, coordenadora nacional da indústria da moda do Sebrae.

Sobre o convênio

O Contextualizar na Moda surgiu da necessidade de inserir as micro e pequenas empresas brasileiras no mercado de alto valor agregado da moda.  As empresas escolhidas participam de uma programação intensa de capacitações, palestras e participações em feiras, workshops e exposições, tendo acesso inclusive aos bastidores do São Paulo Fashion Week (SPFW), a maior semana de moda do hemisfério sul.

 Sobre o Sebrae/PR

O Sebrae/PR – Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Paraná é, para quem já é ou quer ser empresário, a melhor opção para obter informação e conhecimento. Criado na década de 1970, o Sebrae é a instituição que mais entende de pequenos negócios, no campo e na cidade, e possui a maior rede de atendimento do País. No Paraná, conta com 6 regionais e 13 escritórios. A instituição chega aos 399 municípios por meio de Pontos de Atendimento, Salas do Empreendedor e parceiros locais, como associações, sindicatos, cooperativas, órgãos públicos e privados. O Sebrae/PR oferece palestras, orientações, capacitações, treinamentos, projetos e programas, soluções com foco em ambiente de negócios; educação empreendedora; empreendedorismo e gestão; empresas de alto potencial e potencialização; liderança; e startups.

Por: Assessoria de Imprensa Sebrae/PR  – Regional Oeste.

Deixe uma resposta