1° Foz Rock – Um Show de Bandas, Um Show de Público, Um Show de Organização

0
538

Agosto de 2014, dia 03. Um dia para a história de Foz do Iguaçu, um dia para ser marcado no calendário.

No palco da Ono Music Hall, oito bandas da mais alta qualidade musical apresentaram-se e consagraram a história do rock em nossa cidade, e mais, iniciaram uma nova fase do underground na fronteira. Foram mais de oito horas de música, com estilos que foram do rock pop até o tradicional Heavy Metal. Cada banda subiu ao palco e teve uma hora para agitar a galera e “fazer a lição de casa”.

Foz-Rock-revista-vida-interessante-9A primeira banda a se apresentar foi a meninada do “Auttarchia”. A banda formada há pouco mais de um ano tem como formação Lafa Lemos (vocal) – Nathan Santana (bateria) – Yago Mafra (baixo) – Marcus Norberto (guitarra).  Lafa não é tão menino assim, mas a experiência musical e estrada funcionam como a de um professor para a moçada. A banda que vai Do Punk ao Hard Rock, apresentando clássicos do rock e músicas autorais, tem uma história bacana, bem clássica para o começo de bandas. “Fomos convidados para tocar no aniversário de uma amiga, a galera gostou e estamos aí na estrada” afirmou Marcus em entrevista para a Revista Vida Interessante. Pelo que apresentaram, pode-se já de antemão afirmar que a banda brilhará, sem dúvidas nos palcos brasileiros, o som é digno de ser denominado Rock.

Foz-Rock-revista-vida-interessante-27

Na sequência o palco foi ocupado pela banda argentina, da província de Misiones Hanuman, uma banda que tem como estilo o Death Metal Melódico/Metalcore. Formada no início de 2010 por um grupo de amigos hoje conta com sua segunda formação, Marcelo Mendez (vocal), Miguel Saldivar (guitarra), Luciano Spyridacos (guitarra), David Ramos (bateria) e Federico Castillo (baixo). A banda já teve participação em eventos reconhecidos no cenário quando tocou com a Malicia (banda de thrash metal técnico) no 26 de novembro de 2011. Uma banda de excelente aceitação do público e de reconhecimento em seu país. Aqui no Foz Rock não foi diferente, o palco e a plateia pareciam estar na mesma sinergia. Foz-Rock-revista-vida-interessante-72

A terceira banda da tarde foi a Turbo Diesel Blues Band, como todo bom e velho Blues, a banda surgiu em 2006 a partir de uma improvisada apresentação em um bar underground com  temas clássicos do blues rock, inspirados em Stevie Ray Vaughan, Johnny Winter, Jimi Hendrix, Freddie King, Eric Clapton, além dos nacionais Celso Blues Boy e Blues Etílicos. Hoje formada Thiago Giorgetti- guitarra e voz, Rene Fernandes na bateria e Lucas Garcia no baixo, a banda,  com a filosofia de nunca perder o estilo, deu um show de boa música no Foz Rock, proporcionando um deleite de improvisações e releituras de temas consagrados como “Voodoo Chile”, “Mary Had A Little Lamb” e “Little Wing”, além de clássicos como “Hideaway”, “You Got Me Running” e “You ‘ll Be Mine”.

 Foz-Rock-revista-vida-interessante-213

Após Turbo Diesel foi a vez da voz feminina ao som do contra-baixo, das meninas Lia Vieira e Nayana Teixeira, da banda Blush. A banda ainda conta com o Juniomar na bateria e André Dalponte na guitarra. Formada no final de 2010 a banda que iniciou optando pelo Punk Rock, hoje faz variações entre o Rock clássico e o tradicional Rock’n’roll. Em entrevista para a Revista vida Interessante a vocalista Lia deixou bem claro que a banda tem uma marca registrada “vontade de fazer Rock”, um componente sem dúvidas fundamental e que será o motivador para as composições próprias que segundo ela virão em breve, com muita experiência, dedicação e produção de excelência.

Foz-Rock-revista-vida-interessante-212Alanis Morissette cover foi a atração na sequência, parecia o momento feminino, sai blush ao comando de Lia Vieira, entra o vocal impecável de Amanda Toledo. A banda tem ainda na formação Reges Fleitas – Baixo, Lucas Diniz – Guitarra, Filipe Ventura – Guitarra, Rodrigo Oliveira – Bateria, Bianco – Percussão e Marco Aurélio – Teclado. Além da voz inconfundível, Amanda tem excelente performance de palco. A banda demonstrou bastante experiência.  Ouvir o som do contrabaixo de Reges Fleitas é sem dúvidas uma viagem ao mundo do rock. Foz-Rock-revista-vida-interessante-664

Parada, tomada de fôlego, pois aí vem o: Tumulto. Banda paranaense  formada em 1991 aqui em Foz do Iguaçu. Depois de passar por várias formações,  atualmente conta com Germano Duarte (Guitarra e Vocal), Márcio Duarte (Bateria) e Luciano Tita (Baixo). A banda que já dividiu o palco com Dorsal Atlântica, Angra, Ratos de Porão, Korzus, Krisiun,  Cólera e muitas outras,  possui uma história de conquistas no cenário underground, são vários anos de estrada, vários trabalhos consagrados, gravações, músicas na ponta da língua da galera que curte o Trash Metal produzido por eles. Entre os trabalhos da banda está “Conflitos Sociais” junto com a banda Morthal. Acredita-se ser o material que abriu as possibilidades dos vários shows da banda no início da década de noventa. De lá pra cá foi só sucesso. Em 1994 o TUMULTO foi convidado a participar do Tributo ao Dorsal Atlântica com a música Thy Kingdon Come. Em 2002 lançou o CD – Demo “Holy War” com 3 músicas. Em 2007 o primeiro CD com a produção de Frank Godzik (Ex – Kreator e Sodon) e Ciero. O trabalho foi composto por 11 músicas  gravadas no studio Da Tribo em São Paulo e contou com a participação do Ciero e Treck na música Padre com Zé Ruela e Frank na música Fight. E as coisas nunca irão parar, bastou ver a performance da banda no Foz Rock, incansável na bateria Marcio Duarte – um dos idealizadores e organizadores do evento –  vocal com personalidade o de Germano e o Luciano com uma cadência inconfundível. Foz-Rock-revista-vida-interessante-922

Irreverência e muito estilo, quem tocou na sequência foi a banda Venialgo. Quem não conhece o Richie Venialgo ? Prata da casa, Venialgo tem uma história com a música aqui de Foz do Iguaçu e região. Lá na década de noventa a primeira demo foi gravada com três músicas de expressiva repercussão.: “Pra qualquer lugar”, “Me perdoe” e “Boa noite Isa” ficaram conhecidas do público nas rádios do Paraná e em São Paulo. Está última disputou eliminatória no programa “Domingão do Faustão” em 1999. Seu compromisso com a música vai até as últimas consequências. Em 2003, mudou-se para a Inglaterra, onde permaneceu por três anos, período em que dedicou-se ao aperfeiçoamento musical e da língua inglesa. Esse tempo também foi aproveitado pelo músico para conhecer novos estilos musicais e reciclar as influências. Trouxe na bagagem o novo estilo e o projeto do CD “Por onde anda todo mundo?”. “Venialgo é um show a parte” afirma um dos fãs que acompanha a banda desde o início da trajetória. E foi mesmo! Parabéns também ao Richie, pois há muito não se vê um show de organização na nossa cidade, além da apresentação da banda, tudo estava i-m-p-e-c-á-v-e-l.

Foz-Rock-revista-vida-interessante-1004E para encerrar o dia glorioso do rock na fronteira, a banda Jack Black. Com o intuito de proporcionar o hard rock e rock n´roll dos anos 80/90/2000 a Banda  foi formada no final do ano de 2008. Wellington Jacoby como vocalista, Weldner Alves Marinho na guitarra e backing vocal, Marcelo Percoski na bateria, Andrey no baixo e Frank Cimino nos teclados. O repertório é espetacular. Na sua setlist os hits das seguintes bandas: Ac/Dc, Scorpion, Van Hallen, Aerosmith, Whitesnake, Rush, Queen, Pink Floyd, Deep Purple, Led Zeppelin, Ozzy, Scorpions, Europe, Bon Jovi, Skid Row, Mr Big, Guns n roses, Steel Dragon, Survivor, The Outfield, Bryan Adams, Michael Jackson. Que vocal, Wellington, de menininho desenhista a vocalista, muito irreverente e divertido seu estilo, deu um show de afinação. Foz-Rock-revista-vida-interessante-1259

O evento sem dúvidas foi um sucesso, agradecimentos a Fundação Cultural de Foz do Iguaçu, a magnífica organização de Marcio e Venialgo, a galera que esteve presente, um show a parte, caíram na “roda” literalmente, com direito a “mosh”. Pogaram como há muito não se via na fronteira. E um recado para a cidade. O Rock está mais que vivo, um calendário de muitos outros eventos já está traçado, e a Revista Vida Interessante está aí para mostrar todos aqueles que fazem de Foz do Iguaçu uma cidade INTERESSANTE.

Deixe uma resposta